Corcovado e Cristo Redentor

O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player

Corcovado é uma das atrações turísticas mais visitadas por todos os que vêem ao Rio de Janeiro. Para se chegar ao topo, existe a estrada de ferro do Corcovado, com estação no Cosme Velho. O trem sob a montanha com belas vistas da Floresta da Tijuca.

Uma vez no topo da montanha, voce encontra um amplo e espaçoso mirante, de onde tem-se uma vista abrangente e bela de toda a cidade.

O caminho de subida, pode ser feito alternativamente por uma estrada asfaltada que leva ao topo, com início também ao lado da estação de trem.

Dicas para visitar

Escolha dias claros para visitar o corcovado, pois em dias chuvosos ou nebulosos as nuvens podem dificultar a visão.

Lá de cima pode-se ver praticamente toda cidade e seus bairros, praias, parques e lagoas, tendo uma magnifíca vista de 180 graus.

Num dia de verão, o calor é intenso, mas lá em cima existe bar onde são vendidos refrigerantes e lanches. Entretanto, prepare-se caso decida comer ou beber algo lá, pois os preços no topo da montanha, não sei se por coincidência, são também bem mais altos do que os preços praticados pelos bares e lanchonetes ao nivel do solo.

Como chegar ao mirante do Corcovado e estátua do Cristo Redentor

Uma vez que se chegue à Estação de Trem do Corcovado, existem duas maneiras de subir o Corcovado, por trem ou carro. Muitas vans no local oferecem serviços. Por trem é mais interessante e o caminho é mais bonito.

Prédio da Estação de Trem do CorcovadoOs trens parte de 30 em 30 minutos durante o dia, simultaneamente, ou seja, enquanto um trem parte para o topo, outro deixa o terminal de cima em direção à estação no sopé do morro.

Aproximadamente no meio do caminho, exite um desvio, que permite que um trem passe pelo outro, quando então ambos continuam seu trajeto em direções opostas na mesma trilha.

Se for de carro próprio, pode-se subir até um estacionamento perto do antigo Hotel da Paineiras, próximo ao mirante onde fica o Cristo Redentor. A partir daquele ponto existem vans ofciais que levam ao cume da montanha.

Existem também vans particulares, que ficam estacionadas ao lado da estação de trem, que também levam até o ponto onde se pega às vans oficiais para completar o trajeto. Pelo menos foi isto o que constatei, quando da ultima vez que estive no local, no início de 2011.

Independentemente de sua escolha, se vai subir a montanha pela auto-estrada ou pelo trem, voce precisa ver como chegar à estação do Corcovado. Pois é de lá que parte o trem como é também do mesmo local que se inicia a estrada de subida à montanha.

Na foto acima, do lado direito, a vista externa da estação do Corcovado na Rua Cosme Velho. Do lado esquerdo da estação, fica uma pequena e pitoresca praça, e do lado direito do prédio com linhas arquitetônicas do início do século 20, fica a entrada da estação.

Pequeno Museu e Hall de Espera

Na estação onde se pega o Trem, no Cosme Velho, existe um pequeno museu temático no mesmo espaço de espera, abrigando antigos vagões e reminêscencias de trems usados anteriormente.

O amplo espaço de espera para os passageiros e visitantes é visto na foto acima. Inúmeras bandeiras de outros paises decoram o local, onde existe também um café bar.

Alguns equipamentos de antigas composições estão expostos no local, assim como um antigo vagão, visto ao fundo na cor verde.

Abaixo hall de espera na estação do bondinho ou trenzinho do Corcovado, onde existem antigas composições em exposição.

Interior da Estação de Trem do CorcovadoTrem do Corcovado visto no embarque de subida à montanha

Na foto acima do lado direito, o trem do Corcovado visto no embarque de subida à montanha.

Como é a viagem no Trenzinho ou Bondinho do Corcovado

Corcovado e Cristo Redentor visto da Rua Cosme VelhoMais de 600 mil pessoas por ano sobem ao topo do Corcovado através do Trenzinho, cuja estrada já completou 100 anos, sendo considerado o mais antigo ponto turisitico do pais. Veja mais sobre a história do trem e estrada de ferro do Corcovado em outra página deste website.

A viagem de trem ao topo é muito bonita, passando pela Floresta ou Parque Nacional da Tijuca que é a maior floresta urbana do mundo, em meio à Mata Atlantica. Através das janelas do trem, voce pode ver a Floresta da Tijuca onde se vê a vegetação nativa e ocasionalmente pássaros e animais silvestres.

Durante a viagem, o trem passa por cima de algumas pontes e viadutos, alguns com grandes vãos e alturas de precipício, o que torna a viagem mais emocionante para quem se aventura a olhar para baixo em certos pontos do trajeto.

Na foto mostrada ao lado, o Corcovado e o Cristo Redentor são vistos da praça que fica ao lado da estação de trem, na Rua Cosme Velho. O vagão que aparece na foto é apenas uma replíca decorativa em menor escala, exposta no local. Mas a foto dá uma idéia de quão ingreme é a subida, ou seja, o caminho a ser pecorrido da estação no sopé do morro até o cume do mesmo.

Ao lado, foto do cume do Corcovado com o Cristo Redentor, tirada de uma praça ao lada da estação de trem no Cosme Velho.

A Estátua do Cristo Redentor no cume do Corcovado

O monumento do Cristo Redentor foi construído entre 1927 e 1931, muitos após a inauguração da ferrovia. Na base da estátua, ou seja no pedestal onde a mesma se apoia, existe uma pequena capela. Esta capela não fica sempre aberta à visitação, e as missas não são frequentes.
Diz-se que, a primeira iluminação noturna do Cristo Redentor foi inaugurada pelo Papa, direto de Roma, através de um sistema acionada por ondas de rádio, feito especialmente para a ocasião pelo inventor do Rádio, Guglielmo Marconi.

Hotel das Paineiras

Juntamente com a ferrovia, na mesma época, foi erguido o Hotel das Paineiras na parte mais alta da ferrovia e inaugurado no mesmo dia, juntamente com a ferrovia.

O que se vê pelo menos até 2011 eram apenas ruinas de uma construção abandonada, pois o hotel foi fechado em 1984.

Em seu dias de glória, o Hotel da Paineiras teve hóspedes famosos como os Presidentes Washington Luis, Getúlio Vargas, Café Filho. A famosa atriz Sarah Bernhardt também se hospedou no hotel quando esteve no Brasil.

A delegação da Seleção Brasileira de 1970, vencedora do Mundial de Futebol do Mexico no mesmo ano, também se hospedou no antigo hotel, durante o periodo preparatório para a competição.

Vistas do Monumento, da Montanha e da Ferrovia

Nas fotos abaixo, do lado esquerdo, vê-se o topo do Corcovado com a estátua do Cristo Redentor de braços abertos. Mais à frente vê-se a Lagoa Rodrigo de Freitas e do lado direito da Lagoa a pista do Jockey Club. Nesta composição de fotos, na parte de cima bem ao centro, o mirante do Corcovado com vista de 360 graus para a cidade e o monumento do Cristo Redentor no cume. Ainda nesta mesma composição de fotos, aparece cenas da estrada de ferro do Corcovado, com destaque para assim chamado trenzinho do Corcovado.

Corcovado e Estrada de Ferro do Corcovado | Trenzinho do CorcovadoVista Aérea do Rio de Janeiro - À frente o Corcovado e estátua do Cristo Redentor. Mais ao fundo o Pão de Açucar

Baia de Guanabara Vista do Corcovado

Na foto acima, do lado direito, uma típica foto área do Corcovado tendo o Cristo Redentor em seu cume. Observe que, bem à frente da estátua, o bairro de Botafogo e a baía ou enseada de Botafogo. Do lado direito, na mesma fotos, uma vista parcial do início do bairro do Flamengo e aterro do Flamengo. Mais à frente um pouco à direita o Pão de Açucar e Morro da Urca.

À frente do Pão de Açucar, bem no centro da foto, fica a entrada da Baía de Guanabara. De cada lado da Baía de Guanabara, existe uma fortaleza militar, que eram parte do antigo sistema defensivo do Rio de Janeiro desde os tempos coloniais, fortalezas estas hoje em dia abertas à visitação pública.

A fortaleza que fica do outro lado da Baía de Guanabara é a Fortaleza de Santa Cruz, e a que fica do lado de cá, na Urca, é a Fortaleza de São João.

Se gostou, recomende: